segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Novas fotos: Chico Xavier - O filme

Avaliação: 
Continuando as atualizações em relação ao filme do Chico Xavier, este que gera grande expectativa, vou disponibilizar mais algumas fotos.
Como muitos já sabem, este filme terá uma boa quantidade atores que estão trabalhando nas atuais novelas (caminho das índias, paraíso, etc). Espero que este filme, pela grandeza da história, não seja uma filme televisivo, como é o "Se eu fosse você 1 e 2" e tantos outros fracos filmes produzidos pela Globo.

Também circula a informação que será produzido para o ano que vem, uma micro-série do Chico Xavier, mas tal produção só será finalizada se este filme render (R$).

O que vocês esperam desse filme?

IQ3386

Nelson Xavier, Matheus Costa e Ângelo Antônio: os três Chicos que contam a história da vida do médium (fotos de Ique Esteves)

IQ9816

A simpatia de Pedro Paulo Rangel, um dos atores que engrandeceram o filme nesta primeira etapa

IQ9851_1

Set cheio, muitos figurantes, muita disciplinae muita descontração

IQ5641


IQ5529

A administração da ABI, transformada na redação da revista `O Cruzeiro` na década de 40


IQ6313

Em seu último dia de ‘Chico Xavier’, Giovanna recebe uma orquídea branca e um telefonema de Daniel


IQ6195

Cris dirige Matheus Costa no cenário da horta


IQ6036

André Luiz Framback, que vive José dos 10 aos 14 anos

IQ6560

Concentração total de Daniel e Nelson


IQ6477

Detalhes da época como a máquina de escrever, o telefone e o rádio e as fotos da família, com Chico jovem (Ângelo Antônio) e Carmosina (Carla Daniel)

IQ6420

Nelson descontraído no set dos estúdios Herbert Richers

IQ7471a

Daniel dirige Tony Ramos nos corredores da `Tv Tupi`, observado pelo diretor de fotografia Nonato Estrela, o chefe da maquinaria Vô Du e o operador câmera Gil Otero

IQ7333

Antes do início do set, Daniel e Christiane conversam sobre religiosidade no camarim do elenco. “A gente conhece o sofrimento dos mais próximos, mas imagina o sofrimento dele com a dor de todos”, indaga Christiane.

IQ8071

Daniel dirige Christiane e Tony em uma das cenas mais fortes de ‘Chico Xavier’


IQ7131

Antes de filmar sua última cena, que reúne as três gerações de Chicos, o ator dá entrevista para o making of do filme, dirigido por Gil Baroni. Alguns trechos:

Pra compor o meu Chico, a primeira coisa foi ler o livro As vidas de Chico Xavier. Depois fui a Pedro Leopoldo e a Uberaba, conheci as pessoas que Chico conheceu, percorri os caminhos que ele percorreu. Isso me trouxe mais referências, mais detalhes, me fez pensar ainda mais na questão espiritual. Mexer com isso me fez revirar sentimentos, medos, sonhos… Pra buscar chegar à alma, à energia e à freqüência de Chico”, diz Ângelo.

Sobre trabalhar com Daniel Filho: “Foi um aprendizado. Já tínhamos trabalhado juntos na TV, e em A justiceira ele me disse: você é do cinema. O olhar dele pra tudo é impressionante. E ele foi muito generoso: plantou uma semente e me deixou livre pra colher. Foi bom jogar com Daniel. Dentro e fora de campo.

Outra pergunta se refere à semelhança entre o ator e um médium. Existe? “Todos nós somos antenas, alguns mais, outros menos preparados para receber sinais. A forma como traduzimos isso é que talvez faça a diferença da linguagem simbólica entre o ator e o médium. A gente vai atrás dessas conexões com o inconsciente coletivo, com o sentimento e a emoção.” Isso é um pouquinho de Ângelo Antônio – e um pouquinho do que ele emprestou ao seu Chico. O resto, só no making of…

Nenhum comentário: