sexta-feira, 10 de setembro de 2010

Ator Atuar: algumas dicas...

Avaliação: 
Bate aquele frio na barriga... uma vontade de ir ao banheiro...
Não! É hora de entrar no palco. O público na expectativa.
O que vai acontecer?


Qual o principal pensamento do ator ao subir no palco?
Mais do que fazer isso, atuar é criar outra vida. Interagir com tudo que se encontra à volta, inclusive com o público, como se sempre estivesse estado ali.

Não é fácil passar uma mensagem. Devemos fazer com que o personagem seja ouvido e entendido, o público deve acreditar no que ele diz. Então, vai aí uma dica:

No momento em que pegar o roteiro na mão, crie seu personagem. Imagine quais são as manias dele, as roupas que ele usa, o que ele gosta de fazer, que história ele pode ter vivido.
Enfrente o personagem, você tomara a vida dele para si. Antes de decorar as falas, procure entender o roteiro, a mensagem que quer se passar... ela é o elemento fundamental da peça, e provavelmente o objetivo.
Quando estiver ensaiando, não se prenda à música, à luz, ou mesmo aos próprios colegas. Tudo isso faz parte da peça, mas erros técnicos acontecem... e eles não podem ser o alvo da peça. Quem se torna alvo no palco é o ator.
Jamais se acostume ao palco ou à coxia, situações inusitadas podem acontecer, e seu ambiente de apresentação pode ser bem outro.
Viva o personagem alguns minutos por dia, para se acostumar com ele, com o seu novo jeito de ser.

Roupas e maquiagens ajudam muito, mas também não se prenda à isso. O que caracteriza de fato um personagem é a expressão, o jeito de falar, de olhar, de gesticular.

Espero que as dicas tenham sido úteis...



Abraç
ão,
e até segunga-feira.

Nenhum comentário: